Loading

NÃO VAMOS FALAR DE ORIGINALIDADE. FALEMOS DE ORIGENS

Na essência, cremos em “velhos valores e éticas embalados por novas atitudes”. E isso vai além de estilo, modas, “tribos” e guetos. Trata-se de por favor, obrigado, com licença, pode passar; de lealdade, coerência e gentileza; de honra, humanidade e certa criatividade cotidiana.

É de mãos, almas e mentes que querem materializar aquilo que vai permanecer mesmo que a luz acabe, mesmo que a tela dos computadores sejam desligadas. Permanência, resgate e essência. Estilos de vida, ideologias, opções, preferências, objetivos e crenças… tudo impermanência. O que fica são os valores… [continue lendo →]

LET US NOT SPEAK OF ORIGINALITY. WE WISH TO TALK ORIGINS

In the essence, we believe in “old values and ethics wrapped up in new attitudes.” And that goes beyond style, trends, “tribes”, or ghettos. It’s about saying please, thank you, excuse me, you first, and also about loyalty, coherence and politeness, as well as honor, humanity and a bit of everyday creativity.

It’s the hands, souls, and minds that strive to materialize something that lingers long after the lights are out and the computer screens are off. Longevity, revival and essence. Lifestyles, ideologies, options, preferences, goals and beliefs – everything is impermanent. But values remain… [read more →]